domingo, 30 de julho de 2017

CÂMARA MUNICIPAL

CÂMARA MUNICIPAL

A Câmara Municipal, como a designa a Constituição Federal, é também
chamada de Câmara de Vereadores.
2. SEDE
A Câmara Municipal tem de ter sede, que pode ser no prédio da Prefeitura,
ou em outro prédio. É na sede, onde, necessariamente, reúne-se a Câmara
para realização de suas sessões e a prática de todos os seus atos.
3. COMPOSIÇÃO
salão de festa
psicologo
vestidos para festa
tel pizzaria A Câmara Municipal é constituída de, no mínimo, nove Vereadores e,
no máximo, de cinqüenta e cinco.
O número de Vereadores é proporcional à população do município, assim:
– mínimo de nove e máximo de vinte e um nos Municípios de até um milhão
de habitantes;
– mínimo de trinta e três e máximo de quarenta e um nos municípios de
mais de um milhão e menos e cinco milhões de habitantes;
– Mínimo de quarenta e dois e máximo de cinqüenta e cinco nos municípios
de mais de cinco milhões de habitantes.
4. INSTALAÇÃO
Instalar-se-á a Câmara Municipal, no dia lº de janeiro, do ano seguinte
ao da eleição municipal, que é o início da legislatura.
Em início da legislatura, a Câmara reunir-se-á, no dia 1º de janeiro, para
dar posse ao Prefeito, ao Vice-Prefeito e aos Vereadores e para eleger a
Mesa da Câmara. Suspende, em seguida, os seus trabalhos para reiniciá-los
em data fixada no Regimento Interno.
25
como ser vereador campanha de vereador fazer campanha de vereador ganhar eleição

5. LEGISLATURA

Legislatura é todo o período do mandato – quatro anos, atualmente.
6. SESSÃO LEGISLATIVA
Sessão Legislativa é período anual.
7. REUNIÃO
A Câmara Municipal poderá reunir-se, anualmente, em dois períodos:
um no primeiro semestre do ano e outro período no último semestre, ficando
sem funcionar, ou seja, em recesso em junho ou julho, e em dezembro, janeiro
e fevereiro.
8. CONVOCAÇÃO EXTRAORDINÁRIA
A Câmara Municipal poderá reunir-se, extraordinariamente, durante o
recesso, fora do período normal, em caso de urgência ou de interesse público
relevante.
A convocação extraordinária far-se-á:
pelo Prefeito Municipal;
pelo

quarta-feira, 26 de julho de 2017

Como ganhar dinheiro

Como ganhar dinheiro

Por isso, a internet vem se consolidando como um canal
em que as empresas (pelo menos as mais antenadas com
os novos tempos!) possam estreitar suas relações com os
internautas e dinamizar seus negócios. Este contexto cria
um mercado para profissionais especialistas no assunto
(nas áreas de marketing ou de informática) e acena com
ótimas oportunidades para as pequenas empresas.
Contudo, para isso, é preciso revisar alguns conceitos
mercadológicos, especialmente a forma como uma empresa
se relaciona e se comunica com seus clientes. É preciso
entender que uma informação específica, muitas vezes
especializada, útil, em um tom pessoal e opinativo, é aquela
que conquista a confiança dos leitores. Esse fator destaca
as mídias sociais e os blogs feitos pelos próprios internautas
de outros veículos de mídia tradicionais.

Internet para
pequenos negócios
A comunidade influencia na compra
Em fevereiro de 2008, uma pesquisa1 realizada
nos EUA indicou que praticamente 90% dos
consumidores online do país pesquisam “pelo menos
de vez em quando” comentários e opiniões de outros
consumidores antes de realizar uma compra. O fato
de a internet ter se tornado uma mídia colaborativa
faz cada um ter a possibilidade de expor seu
posicionamento, e a pesquisa provou que essa
participação coletiva influencia no consumo.
Durante a Campus Party 2009, evento nacional do ramo
da tecnologia, o IBOPE realizou uma pesquisa com
cerca de 600 jovens presentes. O estudo confirmou
que a troca de opiniões em redes sociais influencia na
decisão de compra. O levantamento apontou que:
■■ 90% dos jovens entrevistados buscam ou fornecem
informações sobre produtos;
sapatinho de bebe curso de vray woocommerce relogio michael ■■ 46% confirmam ler comentários de outros
consumidores antes de realizarem uma compra;
■■ 40% dos entrevistados visitam o site do fabricante
antes de adquirir um produto;
■■ 20% afirmam divulgar suas opiniões
com frequência.
Dados coletados pelo IBOPE em 2010 reforçam a
importância das redes sociais como forma de alcançar
o público:
1 Pesquisa desenvolvida pela PowerReviews e o grupo E-tailing
29
Internet para
pequenos negócios
2 Forester Research, “Harnessing the Power of Blogs”, 2008,
http://www.forrester.com/rb/research
■■ 90% dos entrevistados estão, de alguma forma,
envolvidos com tecnologias colaborativas;
■■ 87% possuem perfil em algum site de
relacionamento;
■■ 91% possuem interesse em blogs;
■■ 87% utilizam wikis como fonte de informação.
Neste perfil de consumidor, as críticas funcionam
como um termômetro da imagem da empresa – tanto
com comentários positivos quanto com os negativos.
Assim, não é possível impedir que critiquem um
produto, mas pode-se participar da rede e responder
às críticas. É simples: se você entende o que o
cliente exige, pode melhorar o serviço ou produto
que está oferecendo.

quarta-feira, 19 de abril de 2017

como vender na loja virtual


Como obter um produto para vender investindo apenas US$ 10,00


maquina de costura infantil
gabinete para gamer
comprar cooler
comprar patinet
No texto sobre planejamento, eu falei sobre tomar a decisão de qual ou quais produtos seriam vendidos no mini site de e-commerce. Parece óbvio que todo site de e-commerce precisa de produtos para vender, mas se você é iniciante não é tão óbvio como vai obter produtos para vender em seu site. Vou apresentar alguns possíveis caminhos para você obter o seu primeiro produto para vender e lucrar.

Você tem dois caminhos possíveis para obter os primeiros produtos para o seu mini site de e-commerce:

q  Criar os seus próprios produtos
q  Revender produtos de terceiros

cartão de visita
kit de pinceis
mascara preta ------------------------- moringa
Criando seus próprios produtos

O caminho preferido pela maioria dos mini sites de e-commerce é criar seus próprios produtos de informação, normalmente em forma de ebook ou pacote de ebooks (próprios e de terceiros). A razão para isto é que um ebook é relativamente fácil de ser criado e distribuido, a um custo muito baixo. Normalmente, os donos desses mini sites tem profundo conhecimento em algum ramo de atividade, normalmente relacionado ao tema do mini site e criam seus próprios produtos de informação em forma de ebooks.


home studio
home studio online
sketchup
sketchup
Como os usuários de Internet estão sedentos por informação, eles não se incomodarão em pagar pelo seu ebook, desde que você os convença de que o seu produto tem qualidade e vai ajudá-los a solucionar algum tipo de problema relacionado ao seu cotidiano ou vai apresentar uma formula "secreta" que só você conhece.


Estou falando de produtos de informação, mas pode ser qualquer tipo de produto que você tenha conhecimento para criar, como artesanato, só para citar um.

 você possui tal conhecimento, mas tem medo de escrever seu próprio ebook e acredita que não tem talento para tal, recomendo fazer uma pequena experiência criando um mini ebook só para "sentir" como funciona o processo. Recomendo também ler muitos ebooks gratuitos espalhados pela NET para verificar como são formatados e como os autores apresentam seus conteúdos.

Acredite, com o tempo e prática você terá condições de escrever seu primeiro produto de informação, ou infoproduto, como é conhecido.

Revender produtos de terceiros

A segunda opção é revender produtos de terceiros simplesmente obtendo lucro na revenda ou participando de um programa de afiliados, indicando produtos de terceiros e ganhando comissões sobre as vendas efetivamente realizadas. Neste caso, você deve se cadastrar no programa de afiliados e estar de acordo com suas regras (cada um tem a sua). Uma opção é participar de vários programas de parceria, indicando vários produtos aumentando suas chances de realizar um negócio. Obviamente os produtos devem estar relacionados ao tema do seu web site.

Algumas opções de programa de afiliados: